Relacionamento Sério | Unamoro
Relacionamento Sério | Unamoro

Saiba quais são as doenças bucais que podem acabar com o seu namoro

108

O cuidado com a saúde oral é essencial para a manutenção do bem-estar dos pacientes e para a prevenção de doenças bucais, que podem comprometer a qualidade de vida e até os relacionamentos amorosos das pessoas.

Essas enfermidades são consideradas, por muitos especialistas, uma das doenças mais recorrentes no mundo, ficando atrás apenas da gripe.

Mas, apesar de terem potencial de danificar a aparência do sorriso e a integridade dos dentes, essas ocorrências também podem ser facilmente evitadas.

No entanto, existem outros males que acometem a cavidade oral e que, além de trazerem desconfortos para os pacientes, também podem ser transmitidos através do beijo e das relações sexuais.

Assim, para garantir a saúde da sua boca e do seu relacionamento, é necessário se manter atento com alguns cuidados que prometem colaborar com a extinção de problemas, como o mau hálito ou todas as demais enfermidades orais, que comprometem a intimidade do seu relacionamento.

Quais são as doenças bucais mais comuns

Procurar entender mais sobre como funciona o plano odontologico da empresa pode ser fundamental para a manutenção de uma saúde bucal em dia e uma boca livre de doenças que comprometem a aparência do sorriso, a autoestima e até o conforto de sorrir em público.

Assim, a negligência com esse tipo de cuidado é capaz de interferir diretamente na manutenção dos relacionamentos sociais e amorosos.

Afinal, o acometimento das patologias orais pode resultar em apreensões na hora de beijar os parceiros e na construção de uma relação com mais intimidade.

Por sua vez, ter a possibilidade de se consultar com o dentista com maior frequência pode auxiliar na identificação precoce de doenças que causam desconfortos físicos e constrangimentos, como por exemplo:

  • Cáries;
  • Inflamações gengivais;
  • Mononucleose;
  • Herpes labial;
  • HPV, entre outras.

Enquanto algumas dessas condições são as principais origens para impactos estéticos no sorriso – provocando inchaços nas gengivas, sangramentos, o escurecimento dos dentes e o mau hálito –, outras são condições mais severas que se não cuidadas adequadamente podem ter complicações importantes. Além de, é claro, serem transmissíveis.

Como prevenir e tratar essas condições

Em se tratando de condições patológicas bucais, a prevenção é a melhor forma de lidar com essas ocorrências.

Isso se dá porque, além de muitas dessas enfermidades serem bastante assintomáticas até que o quadro esteja mais avançado, elas também podem ter repercussões importantes na saúde geral das pessoas.

Por isso, garantir que todos os tecidos bucais estejam saudáveis e fortes é crucial. Desta forma, é muito importante que todos os pacientes se atentem aos cuidados básicos que são reconhecidamente eficazes para impedir o acometimento – e transmissão – de doenças orais.

Entre as medidas mais essenciais, temos:

  1. Higiene bucal adequada

Uma boa higienização bucal é uma das principais medidas para garantir a proteção dos tecidos orais e para evitar infecções e os consequentes sintomas incômodos.

Por isso, é fundamental realizar a escovação dos dentes três vezes ao dia, seguido pelo uso do fio dental e do enxaguante bucal.

O uso de um plano empresarial odontologico também é de grande ajuda para o combate da halitose e das doenças bacterianas, pois ele permite que os dentistas possam avaliar os hábitos de higiene e ensinar os métodos mais eficientes de fazê-lo.

  1. Sexo oral protegido

O Vírus do Papiloma Humano (HPV) é uma doença que pode ser transmitida através do sexo oral desprotegido e que está diretamente relacionada com casos de câncer na região da cabeça, boca, e pescoço.

Deste modo, o uso de proteção durante essas relações é imprescindível. Além disso, é muito importante garantir que não exista nenhum tipo de ferida ou machucado aberto na boca ou nas gengivas e procurar um dentista se perceber algum sintoma.

  1. Atenção com a alimentação

Tanto a mononucleose quanto a herpes labial são enfermidades que podem ser adquiridas através do beijo e que, como não possuem cura definitiva, podem voltar a ficar ativas quando o sistema imunológico estiver debilitado.

Assim, além da manutenção de uma higiene bucal eficiente e do tratamento de lesões – com o auxílio de um plano odontologico pme –, o cuidado com uma alimentação balanceada e rica em vitaminas e minerais é crucial para uma boca e o corpo mais saudáveis.

  1. Visitas frequentes com o dentista

Como dito anteriormente, as consultas recorrentes com o dentista são fundamentais para uma boa saúde oral. Isso porque, essas visitas podem servir para a realização de limpezas profissionais  e para a aplicação do flúor.

Mas, além de viabilizar esses procedimentos profiláticos (que são mais acessíveis com o auxílio de um plano odonto empresa), os dentistas também são capazes de identificar precocemente o desenvolvimento de problemas que podem se agravar em doenças bucais graves ou tornar o paciente mais suscetível a contrair os vírus transmitidos através do beijo.

Assim, é possível utilizar lasers para o fechamento de ferimentos na mucosa, realizar o tratamento de periodontias e inflamações gengivais moderadas e iniciar intervenções com antecedência, permitindo resultados mais favoráveis tanto na prevenção quanto na cura.

E através do plano odontologico empresarial, todo o custo desses acompanhamentos podem ser reduzidos. Por isso, os pacientes passam a ter um acesso mais facilitado tanto aos serviços de saúde quanto aos procedimentos de manutenção da estética do sorriso. Conteúdo desenvolvido pela equipe do Conviva Melhor, blog criado com o intuito de melhorar a saúde e o bem-estar por meio de conteúdos que reforçam a importância dos cuidados regulares.

Usamos cookies para garantir que oferecemos a melhor experiência em nosso site. Se você continuar a usar este site, assumiremos que está satisfeito com ele. Aceito Consulte mais informação